Presidente da OAB Crato se reúne com delegados para pedir agilidade na apuração do atentado ao advogado Jerry Cruz

Na manhã desta segunda-feira (02/10), o presidente da OAB Subsecção do Crato, Aderson Feitosa, esteve reunido com os delegados do Crato, regional e adjunto, respectivamente, Manuel Inácio Torres e Giuliano Sena, para cobrar uma apuração imediata sobre o atentado criminoso ao advogado Jerry Cruz, seus dois clientes e seu assistente, ocorrido na última sexta-feira (29), no Crato. Na ocasião, os delegados afirmaram que vão dar prioridade à elucidação do crime.

De acordo com Aderson, a OAB entende que este foi um atentado à dignidade da própria Justiça. “Diante da gravidade dos fatos, reiteramos que estamos acompanhando as investigações, aguardando agilidade das autoridades e na elucidação deste lamentável episódio”, ressalta.

“Foi um atentado não somente ao advogado Jerry Cruz, mas também contra todos os profissionais que militam na advocacia. A OAB Ceará pede às autoridades que o ocorrido seja esclarecido com agilidade e que os criminosos sejam punidos com todo o rigor da lei”, destaca  o presidente da OAB-CE, Marcelo Mota.

A OAB Seccional Ceará, Subseção do Crato e Subseção Juazeiro do Norte publicaram uma nota oficial no último sábado sobre o caso. Confira aqui.

Entenda o caso
Na última sexta-feira, o grupo – o advogado Jerry Cruz, seus dois clientes e seu assistente – foi perseguido e o carro alvejado a balas por criminosos em motos. No atentado, o advogado foi baleado e seus clientes assassinados. O assistente saiu ileso. O advogado Jerry Cruz passou por uma cirurgia e a família agora aguarda pelo parecer da equipe médica.