Comissão da OAB-CE participa de julgamento do caso Dandara

Nesta quinta-feira (05/04), ocorre o julgamento dos cinco acusados de matar Dandara dos Santos. A Comissão de Diversidade Sexual e de Gênero da OAB Ceará está presente no Fórum Clóvis Beviláqua acompanhando o julgamento

De acordo com a presidente da Comissão, Vanessa Venâncio, hoje o sentimento é de Justiça. “Não se busca vingança, mas sim a tolerância e o respeito dentro da sociedade. Ver que os culpados estão sendo julgados, nos deixa uma lição de que haverá consequência para quem violar os direitos humanos”, enfatiza.

Para Dário Bezerra, representante do Grupo de Resistência Asa Branca, o sentimento é de que a Justiça está se efetivando. “Parte dos assassinos estão sendo julgados aqui hoje, mas vale ressaltar que nem todos os assassinos vão à Júri ou foram encontrados ainda. Estamos aqui para além de um julgamento, viemos atrás de politica publicas que venham transformar essa realidade de transfobia”, disse.

Caso Dandara

Dandara dos Santos foi assassinada no dia 15 de fevereiro de 2017, por um grupo de oito homens e quatro adolescentes no bairro Bom Jardim. O caso chocou o país e o mundo após ser divulgado um vídeo com a execução nas redes sociais. As imagens mostravam Dandara ensanguentada no chão, recebendo agressões como chutes, pauladas, e sendo xingada por seus agressores.

Audiência Pública

A Comissão de Diversidade Sexual e de Gênero promoverá amanhã (06/04) uma Audiência Pública com o seguinte tema: Políticas Públicas para LGBT+ como forma de minoração de diferenças sociais. A discussão acontece no Plenário da Câmara dos Vereadores de Fortaleza, a partir das 09h. Estarão presentes  representantes da ONG TODXS, GRAB, ATRAC, Centro de Referência Janaína Dutra, Abrigo Thadeu Nascimento, Rede cuca, Coordenadoria Municipal LGBT, Coordenadoria Estadual LGBT.