Membros do IAC são empossados durante noite cultural

A Academia Cearense de Letras Jurídicas (ACLJUR), com apoio da Fundação Edson Queiroz e do Instituto dos Advogados do Ceará (IAC), realizou no sábado (9), no Teatro Celina Queiroz, a peça teatral ‘Rachel – No Balanço de uma Rede’.

Com entrada franca, texto de Caio Benevides e direção de Jadeilson Feitosa, a peça homenageia a escritora Rachel de Queiroz, com foco nas barreiras que a cearense transpôs em sua trajetória de vida, abordando também suas posturas e conquistas inseridas no contexto literário, social e político do Brasil e do mundo.

Na oportunidade, a tesoureiro adjunta da OAB Ceará Katianne Wirna, foi diplomada como afiliada do Instituto dos Advogados do Ceará e o conselheiro federal, Hélio Leitão, recebeu homenagem pelos relevantes serviços prestados e tomou posse como membro do conselho consuntivo do instituto.

Durante a cerimônia, também foram empossado como membros do conselho  os advogados (as) Raimundo Bezerra Falcão,  Francilene Gomes de Brito, Maria Vidal, Valmir Pontes. Posteriormente, os advogados Paulo Bonavides e Carlos Roberto Martins tomaram posse.

Para katianne Wirna, ser diplomada como afiliada do IAC é motivo de muita alegria e reforça o seu compromisso com o exercício da advocacia. “Muito honrada com minha posse, ao lado de tão renomados fomentadores da cultura jurídica cearense, no Instituto dos Advogados do Ceará – IAC. A ampliação da participação feminina no Instituto engrandece a Arcádia e amplia o olhar igualitário sobre as discussões no âmbito jurídico. Minha gratidão às destacadas Professoras e colegas de profissão, Ana Paula Araújo e Francilene Gomes de Brito, pela propositura de meu nome à avaliação e aprovação pelos integrantes de tão respeitável Colegiado, destacou.

O Instituto dos Advogados do Ceará – IAC foi instalado em julho de 1931.  É a entidade mais longeva da área jurídica no Estado, o Instituto, hoje presidido por João Lemos e vice-presidido pela Professora Ana Paula Araújo de Holanda, foi responsável pela criação da OAB em solo cearense. A defesa da ordem jurídica e do Estado Democrático de Direito são permanentes bandeiras de luta do IAC, que promove e incentiva estudos na área jurídica, pesquisas, publicação de obras e lançamento de revistas.