Em projeto de interiorização, diretoria da OAB-CE conversa com classe de Itapipoca sobre ética profissional

Na manhã desta segunda-feira (26/03), a comitiva da OAB Ceará esteve na subsecção de Itapipoca para conhecer e ouvir de perto as sugestões e críticas da advocacia da região. A ação marcou o início da segunda etapa do projeto OAB Itinerante, que nesta semana ainda irá visitar as subsecções da Serra de Ibiapaba, Sobral, Crateús e Inhamuns. Estiveram presentes na ocasião Marcelo Mota, presidente da OAB-CE; Erinaldo Dantas, presidente da CAACE, José Eurian Teixeira e José Djalro, presidente e secretário-geral da Subsecção, respectivamente, estiveram na mesa à frente das discussões.

Na ocasião, o presidente da OAB Ceará, Marcelo Mota, falou sobre questões que envolvem ética profissional, como a propaganda irregular e captação indevida de clientes, queixas apresentadas pelos profissionais da região. “Pudemos observar que esse debate foi extremamente rico, fazendo com que a advocacia esteja irmanada e, acima de tudo, repudiando condutas que vão contra o nosso código de ética. A OAB continuará fiscalizando e encaminhando as devidas apurações, para que possamos passar a limpo em nome da credibilidade da advocacia”.

O presidente da subsecção de Itapipoca, José Eurian Teixeira, comentou sobre a “iniciativa louvável”, onde a diretoria da OAB-CE se propõe a ouvir a advocacia do interior. “Essa interação da diretoria da OAB com os profissionais de toda região marca um dia memorável. É uma verdadeira troca de experiências e diálogo aberto, onde cada colega teve a oportunidade de falar suas dificuldades e dar sugestões para que possamos melhorar”.

Djalto Dutra, secretário-geral da Subsecção, classificou a iniciativa do projeto de interiorização da Ordem como uma das mais importantes para os advogados e advogadas que militam fora da capital. “Por vezes a advocacia não tem a oportunidade de levar à diretoria determinados pleitos, criticas, deficiências e problemas do dia a dia da advocacia e essa é uma excelente oportunidade, disse.