A Comissão Especial de Mediação, Conciliação e Arbitragem (CEMCA) da OAB-CE, realizou o I Curso de Mediação Judicial para advogados e advogadas interessados em se qualificarem a respeito do tema. A primeira turma foi um marco que inaugura uma parceria da OAB-CE com o Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE), para a realização de Cursos de formação de Mediadores e Conciliadores Judiciais, com turmas exclusivas para a advocacia.

O evento foi realizado nos dias 21, 27 e 28 de setembro e 04 e 05 de outubro, na sede da Seccional Cearense. A Presidente da Comissão Especial de Mediação, Conciliação e Arbitragem, Suzyanne Pessôa, informou a felicidade de promover o curso e a sensação de dever cumprido. “Essa formação é muito importante e salutar, pois visa a construção de uma nova cultura, onde os operadores do direito podem lançar mão dos meios adequados de resolução de conflitos para atender aos seus clientes, de modo mais célere e eficaz”, afirma.

O Presidente da OAB-CE, Erinaldo Dantas, esteve presente no curso e compartilhou suas experiências com os presentes no auditório. Além disso, Erinaldo destacou a satisfação em poder observar que o curso teve uma grande procura nas vagas.” É importante que toda a classe busque se qualificar ainda mais para, assim, garantir melhores condições de trabalho”.

Suzyanne Pessôa disse ainda que já está alinhando com o TJ-CE a realização de outro curso, pois, a procura dos profissionais pelo curso superou as expectativas, mas não houve como atender toda a classe, uma vez que as vagas disponibilizadas pelo TJ-CE foram limitadas ao número de 32. “Estamos vendo a possibilidade de disponibilizarmos duas turmas simultaneamente, o que nos propiciaria o dobro do número de vagas, buscando, desta forma, atender ao requerimento de um maior número de colegas”, afirma a Presidente da CEMCA.

O I Curso de Mediação Judicial contou com a realização da Comissão Especial de Mediação, Conciliação e Arbitragem e com o apoio da OAB-CE, do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (NUPEMEC) do TJ-CE e do Governo do Estado do Ceará. A OAB-CE, durante a gestão 2019/2021, procura trazer espaços que propiciam ricos debates e aprendizados contínuos.